• Helia W.Rodriguez

Sobre a generosidade


Será que estamos tentando nos aparentar mais generosos do que realmente somos?É o que veremos nesse Café com Deus.

A Igreja de Cristo sempre atraiu pessoas com motivos errados que desejam lucrar financeiramente da Igreja, ou egoistas tentando ser bajulados e cuidados, mais os candidatos a receber glória buscando notoriedade e afirmação pelos seus atos de “santidade”.A igreja de Jesus tem sofrido com esse tipo de pessoas. Atos 4 :36 e 37 diz: “José, um levita de Chipre a quem os apóstolos deram o nome de Barnabé, que significa encorajador,vendeu um campo que possuía, trouxe o dinheiro e o colocou aos pés dos apóstolos.

A igreja de Cristo nao é e nunca foi um lugar onde os membros devem vender as suas propriedades e trazer o dinheiro para Igreja.Contudo, o mover do Espírito Santo na vida de uma pessoa a leva a generosidade.Na Igreja primitiva, eles dividiam todos os seus bens, vendiam casas e propriedades e traziam aos pés dos apóstolos para que estes dividissem aos necessitados. Entre eles estava Barnabé, aquele que se tornou proeminente no livro de Atos.Ele vendeu uma propriedade e doou todo o dinheiro para que a Igreja ajudasse aos necessitados.Ele fez isso movido por amor e nao por interesse.

Atos 5:1-10 “Um homem chamado Ananias, juntamente com Safira, sua mulher, também vendeu uma propriedade.Ele reteve parte do dinheiro para si, sabendo disso também sua mulher; e o restante levou e colocou aos pés dos apóstolos.Então perguntou Pedro: "Ananias, como você permitiu que Satanás enchesse o seu coração, a ponto de você mentir ao Espírito Santo e guardar para si uma parte do dinheiro que recebeu pela propriedade?Ela não lhe pertencia? E, depois de vendida, o dinheiro não estava em seu poder? O que o levou a pensar em fazer tal coisa? Você não mentiu aos homens, mas sim a Deus".Ouvindo isso, Ananias caiu e morreu. Grande temor apoderou-se de todos os que ouviram o que tinha acontecido.Então os moços vieram, envolveram seu corpo, levaram-no para fora e o sepultaram.Cerca de três horas mais tarde, entrou sua mulher, sem saber o que havia acontecido.Pedro lhe perguntou: "Diga-me, foi esse o preço que vocês conseguiram pela propriedade? " Respondeu ela: "Sim, foi esse mesmo".

Pedro lhe disse: "Por que vocês entraram em acordo para tentar o Espírito do Senhor? Veja! Estão à porta os pés dos que sepultaram seu marido, e eles a levarão também".Naquele mesmo instante, ela caiu aos pés dele e morreu. Então os moços entraram e, encontrando-a morta, levaram-na e a sepultaram ao lado de seu marido.

Ao contrario de Barnabé , Ananias e Safira poderiam ser chamados de perseguidores internos da Igreja.Satanás não podendo destruir a Igreja com os ataques externos, agora usa alguém de dentro da Igreja tentando destrui-lá.

No verso 3 vemos Ananias mentindo para a Igreja sobre os valores.E mentir para a Igreja é o mesmo que mentir ao Espírito Santo e mentir ao Espírito santo é o mesmo que mentir para Deus, mas Ananias não considerou isso.Infezmente, atualmente, numa escala maior, vemos a mentira tentando suprimir o evangelho, tanto nos púlpitos, como entre os crentes.

O Apóstolo Pedro adverte que essa mentira , bem como tudo que acabou ocorrendo com o casal, não era necessário: afinal Ananias, ninguém te pressionou a vender essa propriedade e trazer essa oferta , você foi 100 % responsavel por tudo.Satanás, o pai da mentira sugeriou e você acatou a idéia.

Quando Ananias ouviu a Palavra de Deus, ele caiu morto e foi enterrado.Três horas depois, a senhora Safira chegou e foi graciosamente questionada, mas ela comportando-se como seu marido, também mentiu, e do mesmo modo, caiu morta e foi enterrada.

Será que Ananaias e Safira mentiram porque eles estavam buscando receber a mesma admiracao que Barnabé recebeu? Oh, amados, que coisa tão terrível é quando invejamos e nos comparamos àos outros, tentando à Deus, que nos fez tão perfeitamente únicos.

Agora, sem mentir para nós mesmos, quanto de Ananias e Safira existe em nós?

Eles amavam mais o dinheiro do que a Deus.Eles queriam aparentar mais generosos do que eles realmente eram (como Barnabé).Eles estavam buscando aprovação religiosa e não vida com Deus.Eles não apenas amavam o dinheiro, mas eles amavam a adoração que vem pelo dinheiro.Eles mentiram para dar impressão de que eram generosos.Foram hipócritas.Eles tentaram ao Espírito Santo, pensando que poderia enganar o próprio Deus.

Nesse exato momento, podemos nos arrepender e confessar esses nossos pecados ‘a Deus e Ele irá modificar o nosso caráter, quem sabe nos fazendo parecidos com o nosso irmão Barnabé:

Ele não amava o dinheiro e nem as coisas materiais.Ele era livre dessa prisão.Quando ele recebeu, a primeira coisa que ele sonhou foi gastar todo aquele dinheiro para trazer glórias a Deus.Ele não tentou parecer ser mais generoso do que ele realmente era.Ele não necessitava aprovação das pessoas, porque ele sabia que ele já tinha a aprovação de Deus.Ele era uma pessoa real.Ele nao mentiu.Barnabé amava a verdade.Ele era confiável.A sua integridade se tornou legendária na historia da igreja.Ele sabia que o Espírito de Deus estava vivo na Igreja e por isso, ele o reverenciava.

(Crédito: Revista Explore the Bible – Spring 2016 HCSB).

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo