• Helia W.Rodririguez

A sua conversão à Cristo é imaginária ou real?

"Se a conversão não faz nenhuma melhoria na pessoa em relação aos seus atos, então eu penso que essa "conversão" é largamente imaginária".(C.S.Lewis).

Quando se trata de nascer de novo, e o nosso futuro na eternidade, precisamos ser diligentes.E o que seria uma conversão à Cristo imaginária? É uma conversão que pode possuir todas as características da verdadeira, mas falta o elemento principal que é nascer de novo.João 3:3 " Respondeu-lhe Jesus: Em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus". A pessoa pode se comportar, falar, se vestir como convertido, frequentar assiduamente uma Igreja e ainda assim não ir para o céu.

Outro dia ouvi o depoimento de um pastor que foi a um hospital visitar um exímio professor de escola bíblica de sua Igreja que ensinava há 10 anos e estava com uma doença terminal.E ali, numa conversa muito honesta com o pastor ele disse que gostaria de aceitar a Jesus como seu único senhor e salvador, pois ele sabia que ainda não havia nascido de novo.Existem milhares ou milhões de pessoas nessa mesma condição.

Levantar a mão aceitando um apelo, ir até o altar, ter o título de cristão, não é suficiente.Alguma coisa mais profunda precisa acontecer dentro de nós.Existe uma multidão de pessoas passando a vida pensando que são convertidas, e no final, irão escutar :"Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade".(Mateus 7:23) , Por isso, é fundamental que nos examinemos com honestidade à luz da palavra de Deus.

Uma conversão imaginária pode ocorrer por várias razões, por exemplo, uma crise pode levar uma pessoa a começar a participar de uma igreja, ela se sente bem, se acostuma, mas nunca nasceu de novo.Outros, nasceram num lar cristão, mas se não nascerem de novo, essa salvação é imaginária.E ainda há outros que adotam os padrões morais de uma igreja para melhor se posicionarem na família e sociedade.E ainda há aqueles que apreciam a convivência social da igreja e vivem por ali, sem nunca nascerem de novo.

O novo testamento traz condições e critérios que precisamos cumprir para recebermos o benefício da morte de Cristo e sermos salvos: Precisamos crer nele, recebê-lo, darmos as costas para o pecado, obdecê-lo, nos humilhar como uma criança, amá-lo mais do que amamos as nossas famílias, posses e a nossa própria vida.Esses elementos caracterizam uma vida convertida à Cristo.

Quando nos convertemos genuinamente, uma mudança espiritual ocorre.Por exemplo, passamos a ter uma necessidade de nos alimentar da palavra e obedecer à Deus.1 João 2:5 "mas qualquer que guarda a sua palavra, nele realmente se tem aperfeiçoado o amor de Deus. E nisto sabemos que estamos nele".É uma mudança de dentro para fora e não buscaremos mais satisfazer a nossa carne nos engajando em comportamentos pecaminosos , 1 João 3:9 "Todo aquele que é nascido de Deus não se dedica à prática do pecado, porquanto a semente de Deus permanece nele e ele não pode continuar no pecado, pois é nascido de Deus". A nossa vida e testemunho passam a ser centrados na pessoa de Jesus Cristo e na cruz onde Ele morreu por nós.

Quando nascemos de novo, não nos tornamos perfeitos, continuamos pecando, mas isso é diferente de se engajar no pecado ou pecar habitualmente.1 João 3:6 " Todo aquele que permanece nele não vive pecando; toda pessoa que continua no pecado não o viu, nem tampouco o conheceu".

Nascer de novo, é um trabalho do Espírito Santo que experimentamos pela graça de Deus.E é uma experiência sobrenatural.Se você não sabe se você já nasceu de novo ou não, esse é um indicativo de que não, pois essa é uma experiência inconfundível assim como quando vemos um bebê

nascer, não temos nenhuma dúvida que ele já nasceu.O novo nascimento

é uma experiência real e inesquecível, tem lugar e hora de acontecer. Entramos nesse mundo pelo nascimento e entramos no reino de Deus pelo novo nascimento realizado por Deus através do seu espírito.

Algumas instituições funcionam como um laboratório tentando produzir cristãos.Mas isso é completamente impossível acontecer.Nós não podemos nascer de novo por nós mesmos.Esse é um trabalho de Deus através do Espírito Santo.Ele nos chama, nos toca, nos chama ao arrependimento de nossos pecados e nos convida a fazer parte de sua família, sua Igreja.E se respondemos positivamente ao seu toque, então, através do seu espírito, nascemos de Deus, nascemos em seu reino e somos feitos uma nova criatura. 2 Cor. 5:17 " Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação; as coisas antigas já passaram, eis que tudo se fez novo!"

Muitas transformações ocorrem quando nascemos de novo, enumeremos algumas delas:

- Nos tornamos espiritualmente vivos , até então estávamos mortos no pecado (Ef.2:1).

- Nos tornamos nova criatura (2 Cor.5:17).

- Nossos olhos espirituais são abertos (João 3:3).

- O Espírito Santo vem morar em nós (Gal.4:6).

- Nos tornamos filhos de Deus (Gal.4:6).

- Recebemos uma nova vida (2 Cor.5:17).

Atos 8:1-25 nos trás o relato da conversão do feiticeiro e mágico Simão.Ele inclusive chegou a ser batizado.Mas quando viu o poder de Deus se manifestar através da vida de Pedro e João, ele os ofereceu dinheiro para obeter aquele mesmo poder.Então Pedro o repreendeu dizendo que ele ainda precisava se arrepender pois estava preso pelo pecado.

A conversão real é uma experiência absolutamente pessoal.Nenhum de nós pode afirmar se alguém está convertido, ou não.Contudo, reconhecemos os frutos.

Se ao final desse texto, você conclui que ainda não nasceu de novo, não perca mais 1 só minuto e ore dizendo à Deus o seu desejo e necessidade de realmente nascer de novo.

Obrigada por fazer parte do Café com Deus blog.Se gostou compartilhe e deixe o seu comentário.Obrigada.Helia

Fontes: www.gotquestions.org e www.desiringod.com

53 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo